Adeus 2018. Feliz 2019!!!

 

2019 já está batendo na porta, e para acompanhar o brinde da meia noite não faltam simpatias, rituais e superstições. Você é adepto de alguma tradição para o Ano Novo?

 

A palavra Réveillon é derivada do verbo réveiller, do francês, que significa despertar.

Para atrair boa sorte, prosperidade, amor e fartura, inúmeras superstições, tradições e simpatias são realizadas na data que para muitos tem o significado de recomeço.

Os pratos, as cores das roupas e simpatias escolhidas para abrilhantarem a noite da virada têm um significado e devem seguir um ritual. No post de hoje você conhecerá a simbologia de cada um deles!

 

A ceia de Ano Novo é sinônimo de mesa farta, felicidade e união, reflexo do desejo para o ano que chega, mas, mais do que uma mesa abundante devemos ter a consciência da quantidade de pratos para que não haja desperdício.

Arroz

A cor do arroz simboliza a divindade e o consumo do mesmo é sinônimo de riqueza, abundância e fertilidade.

 

Macarrão

Comum na cultura asiática o macarrão simboliza vida longa, segundo a tradição deve-se comê-lo sem partir para que atraia boa sorte.

 

Peixe

 

 

Em muitas culturas comer peixe na ceia de Ano Novo atrai boas vibrações, para os japoneses é sinônimo de fertilidade, pela capacidade de produzir toneladas de ovos. Além disso o peixe é o símbolo dos milagres de Cristo e atrai proteção para o próximo ano.

 

Carne de porco

 

 

Presente na mesa de diferentes culturas, o porco deve estar no centro da comemoração e tem o significado de progresso. O leitão inteiro representa a abundância.

Outra história engraçada é de que o animal está sempre andando e fuçando para a frente, sendo assim sinônimo de prosperidade. Um velho ditado diz que o animal que faz xixi para trás empurra o homem para frente.

 

Segundo os supersticiosos, devemos passar longe de Aves (frango, peru, faisão…), elas ciscam para trás e segundo a superstição, significa retrocesso e atraso de vida.

 

Lentilha

 

 

Essa leguminosa é sinônimo de boa sorte e fartura segundo a cultura italiana. Essa superstição chegou ao Brasil na mala dos imigrantes italianos. De lá pra cá, a crendice evoluiu e passou a ser o primeiro alimento consumido na ceia. Logo após a meia noite, segundo algumas tradições, a pessoa deve comer uma colher de lentilha, já em outras, sete garfadas, faz parte também do ritual subir em algum lugar alto, que pode ser uma cadeira, mesa ou degrau.

Mas tudo isso tem um fundamento, já que as sementes de lentilhas com seu formato arredondado assemelham-se a moedas, o que segundo a tradição atrai riqueza e boa sorte nas finanças.

 

Romã

 

 

A fruta com suas inúmeras sementes simbolizam a fartura e abundância, a fertilidade e o nascimento.

A romãzeira era consagrada à Afrodite, a deusa da fertilidade, por isso foi associada às paixões, à fertilidade e ao nascimento.

No Brasil, é comum seguir a tradição de comer a fruta à meia noite com o desejo de atrair dinheiro, sete sementes devem ser envoltas em papel branco e guardadas na carteira durante todo o ano.

 

Uva

Outra fruta que segundo as tradições tem o poder de trazer boa sorte, prosperidade e fartura de alimentos.

Segundo a lenda, a tradição de comer uvas no Ano Novo teve início em 1909 na cidade de Alicante na Espanha, em meio à grande produção do ano, os produtores com o intuito de aumentar as vendas da fruta, sugeriram esse ritual que acabou dando certo e virou tradição entre os espanhóis.
Na Espanha comem-se doze uvas à meia noite, simbolizando os doze meses do ano, as doze badaladas do sino, alguns acreditam que a doçura de cada fruta é a previsão de como será cada mês do próximo ano. Faça um pedido para cada fruta que comer, e, assim como as sementes de romã, guarde as sementes na carteira ou na bolsa durante todo o ano.

 

Figo

 

 

O figo é considerado símbolo de alegria e riqueza da humanidade. A fruta é atribuída ao Deus Dionísio ou Baco e no Antigo e no Novo Testamento várias passagens fazem alusão a figueira, considerada símbolo de paz e harmonia.

As primeiras figueiras chegaram ao Brasil por volta do século XVI, trazidas por imigrantes espanhóis e portugueses.

Segundo a tradição, ter a fruta na mesa da ceia atrai saúde, paz e harmonia.

 

Maçã

Não se sabe ao certo o surgimento da primeira macieira, mas é certo que a fruta está presente em muitas histórias, lendas e mitos.

Pela fácil adaptabilidade da árvore a diferentes climas, a macieira se difundiu por todo o mundo rapidamente, conta-se que a primeira fruta foi encontrada por Alexandre o Grande, 300 A.C., no qual encontrou maçãs anãs na Ásia e posteriormente as levou para a Macedônia.

Segundo a tradição, uma mordida em uma maçã bem vermelha à meia noite atrai sucesso e longevidade.

 

Melancia

A melancia foi trazida ao Brasil pelos escravos de origem Banto e Sudanês.

Uma fruta resistente, composta por 90% de água, consumida in natura ou como ingrediente de pratos doces e salgados.

Segundo a tradição, ter a fruta na mesa da ceia é símbolo de vida longa, fartura e renovação.

 

Nozes, castanhas e frutas secas

As nozes e castanhas foram trazidas por imigrantes árabes e segundo a tradição atraem fartura.

Já as frutas secas surgiram com a necessidade dos viajantes e soldados de repor suas energias no inverno rigoroso da Europa no Império Romano. O processo de secagem das frutas preservam e concentram as fibras, minerais e açúcares, por isso o sabor adocicado é mais forte.
As frutas significam abundância e prosperidade.

 

Segundo os supersticiosos, devemos abolir da mesa da ceia Frutas com Espinhos, segundo a superstição, significam sofrimentos, dificuldades e entraves.

 

Champagne, espumante e vinhos frisantes

Bebidas feitas a partir da uva também carregam a tradição da celebração da vida, atraem alegria, felicidade, sorte e prosperidade.

Além de não poder faltar na ceia, é dos itens essenciais para brindar a virada do ano.

Segundo a tradição, deve-se tomar três goles à meia noite e para cada gole fazer um pedido.

 

Trigo

 

 

O trigo simboliza a fatura, abundância e o desabrochar de novas possibilidades. Além de estar presente em ramos como enfeite na mesa da ceia, pode-se comer o pão feito com trigo.
O alimento deve ser dividido com as mãos e oferecido a todos os presentes, como desejo de que nunca falte alimentos e que a fartura e abundância estejam presentes durante todo o ano
.

 

Louro

 

 

Assim como os ramos de trigo, as folhas de louro devem estar presentes na mesa da ceia.

A tradição de usar louro para ornamentar a mesa ou para temperar a comida é um costume bem antigo que nasceu na Idade Média, simbolizando o sucesso, a fortuna e a prosperidade.

A tradição foi preservada no Brasil e o louro passou a ser carregado na carteira.
Na virada do ano deve-se guardar uma nota de dinheiro e três folhas de louro que devem permanecer na carteira durante todo o ano, no dia 31 de dezembro deve-se doar o dinheiro e jogar as folhas de louro em água corrente.

 

Não poderia faltar o significado das cores para atrair o que desejamos no próximo ano.

 

 

Branco

A cor que simboliza paz, pureza, luz e bondade é a mais utilizada por todos que brindam a chegada do novo ano.

O costume é advindo das religiões africanas e no Brasil se popularizou com o candomblé, que usam vestimentas na cor branca com o objetivo de se conectar com uma energia superior e purificar o espírito.

 

Vermelho

É a cor do amor. Sua vibração transmite a sensação de vitalidade e agilidade e ajuda os sonhos a se realizarem de forma harmônica.

 

Amarelo

É a cor que atrai riqueza. Sua vibração transmite a positividade, o brilho e o contato com Deus.

 

Rosa

É a cor da beleza e da sedução. Sua vibração ajuda a expandir o campo da imaginação e concretizar novos pensamentos para a vida.

 

Verde

É a cor da esperança. Sua vibração ajuda a transformar situações ruins em boas.

 

Azul

É a cor da prosperidade e do sucesso.

 

Usar roupa nova

Segundo a tradição, usar roupa nova imprime a sensação de recomeço, uma nova etapa da vida.

 

Usar lingerie colorida

Assim como as peças de roupa de determinada cor, o tom da lingerie também segue a mesma tradição conforme os significados das cores que já listamos acima. É só escolher a cor da sua para atrair o que deseja para o próximo ano.

 

As simpatias mais tradicionais

 

Pular 7 ondas

 

 

Pular as Sete Ondas é uma das tradições mais populares no Brasil. Segundo os gregos, o mar tem poder e espiritualidade, renovando nossas energias assim que entramos nele. A tradição chegou ao país junto com os povos africanos.

Segundo os rituais a cada onda pulada deve-se fazer um pedido ou agradecimento, assim que terminar de pular as sete ondas, retorne para a areia sem dar as costas para o mar.  Essa tradição é uma forma de agradar Iemanjá e assim, conseguir a realização de seus desejos. 

 

Presentes para Iemanjá

 

 

Seguida da tradição de pular as sete ondas, algumas pessoas também tem o costume de presentear Iemanjá. Como a rainha do mar é considerada muito vaidosa, os presentes são entregues em barquinhos enfeitados com rosas brancas, contendo também itens de beleza como perfumes, sabonetes, espelhos, pentes, colares, entre outros. A intenção de ofertar tantos presentes é receber em troca paz, proteção e agradecer também pelos desejos realizados.

 

E aí? Curtiram essas curiosidades? Conta pra gente se você é adepto de alguma tradição para o Ano Novo! 😉

 

Agora que você já sabe tudo sobre as simbologias, rituais, superstições e simpatias para o Ano Novo, não esquece do principal, a ceia.
Garanta já a sua encomenda, assim você consegue aproveitar a virada longe da cozinha.

Conheça o nosso cardápio e  ligue (11) 2915-7344 para fazer a sua encomenda!